quarta-feira, 17 de março de 2010

Há dias, nem todos, mas alguns, em que meu poder de sublimação/superação/abstração surpreendem até a mim. Não sei se creio que haja mesmo alguma serventia nisso. Mas tem dias, querido leitor, que eu sou Phoda.

Nenhum comentário: