segunda-feira, 13 de julho de 2009

Let's Rock


Saí de casa na quinta-feira disposta a desafiar aquela bobagem da física de que um corpo não pode estar em três lugares ao mesmo tempo.

Voltei com a comprovação de um ditado popular que diz que quem faz tudo, faz tudo mal feito.

Mas, ó... Eu tentei.

E ontem o dia foi das crias. Só delas. Fila de cineminha, jogo no computador. Até secamos o greminho juntos, já que o jogo que interessava nem passou.
O Carlos: Como é que pode, mãe. Como é que o cara não defende uma bolinha dessas?
A Marina: Pra mim pareceu do mesmo tamanho das outras.

E por falar em bolinha, olha meu Colorado descendo a ladeira.


Momento do dia:

Carlos se mostrando numa versão online do Guitar hero. Deep Purple, minha gente. A preferida do rebento é Smoke on the Water.
E a minha filhotinha (que anda numa fase confusa e diz que adora sertanejo): Coloca aquela que eu gosto, Carlos.
Iron man. Era Iron man, folks! Tá tudo bem, então. Estão no bom caminho.


E hoje é dia mundial do Rock. Curvem-se. Reverenciem. Subvertam um tantinho para a devida homenagem.

Cada um deve lembrar de um riff quando pensa em comemorar. Eu lembro de vários. Escolher tá fora de cogitação. Roqueira no sentido mais amplo da palavra, se é que me entendem.

Pavor daquela gente entendida que torce o narizinho, dizendo que tais acordes estão mais para "não sei o que", e que "rock mesmo é esse daqui ó".
O Rock, este senhor, é muito mais que seus belos e contagiantes acordes. E se você não entende isso, amigo, já era.

E aí vai MEU rock de hoje pra você.

9 comentários:

Abobrinhas Psicodélicas disse...
Este comentário foi removido pelo autor.
Abobrinhas Psicodélicas disse...

Em primeiro lugar, desde quando uma moradora de Floripa pode reclamar de alguma coisa? É o que eu digo: as pessoas sempre reclamam de barriga cheia!!!...rs... Quanto a este senhor quase sessentão chamado Roquenrou, façamos um brinde - com Jack Daniels - a ele. E já que você falou de riffs, algumas guitarradas para mim são inesquecíveis: Smoke on the water, Sultans of Swing, Hey Joe, Smell like a teen spirit, Should I stay or should I go, Summertime, Shine on your crazy diamond e, é claro, Satisfaction. Mas tem tantos outras, que a lista seria enorme. Ah, boa a escolha de "Por quem os sinos dobram". Por sinal, você conhece "How Could I Know", também do Raul? Beijos com gosto de cachaça cearense (Afinal, vim para um congresso mas ninguém é de ferro!).

Ao Leite disse...

Pois aí é que tá. Eu moro a 560km de Floripa. É no interior de Santa Catarina que eu resido. Chapecó. Pesquisa que no google deve aparecer alguma coisa, hehe. Então eu posso reclamar, e reclamo de barriga vazia mesmo.

Os riffs, eu não sei escolher, não mesmo. Nem pra citar. Mas você falou ali de Hey Joe. Esse é pra matar.

Aproveite aí a cachaça. Ótima semana.

Serbão disse...

isso aí. os meninos tão indo pelo bom caminho. :)

no meu orkut acrescentei varios videos bem legais do youtube em homenagem à data. Think it Over do Uriah Heep, Black Dog com o Led, por aí afora...

Serbão disse...

um riff bem maneiro: "Enter Sandman", do Metallica, ou então "Jumping Jack Flash" dos Stones.

Abobrinhas Psicodélicas disse...

Caramba, não sei por que, mas achei que você era de Floripa. Neste caso, hipoteco-lhe a minha solidariedade!...rs... Eu já passei pela progressista e valorosa "capital do oeste" e entendo a sua barriga vazia (com todo o respeito ao denodado povo chapecoense) ...rs... Depois eu te despacho, via sedex, uma garrafa da "purinha" daqui. Beijos.

Ao Leite disse...

Eu ia pegar no teu pé hoje, Serbão. Dizer que tava decepcionada de não ver post sobre o dia mundial do rock. Mas então, tu lembrou do nosso amigo, hehe.
E com estilo, Black dog. Amo.

Abobrinhas, beba por mim. Já estará de bom tamanho.

avantderniere disse...

já eu vou passar a semana inteira ouvindo cassia eller, a melhor cantora que o brasil já teve e jamais terá! aumenta que isso aí é roquenrol! adorei seu blog, vou voltar ;)

Ao Leite disse...

Volte mesmo!
Também amo Cássia. O cover que ela faz do Nirvana, por exemplo, eu gosto mais do que o original.